Alexandre Andrade (trompete)

Francisco Andrade (sax tenor)

Jorge Borges (piano)

Ricardo Dias (contrabaixo)

Jorge Maggiore (bateria)

A riqueza e persistência do seu percurso como músico, promotor e pedagogo do jazz fazem de Jorge Borges um verdadeiro guru desta música na Madeira. São cinco décadas a nutrir o jazz na nossa terra nas mais diversas circunstâncias, como músico em grupos como o Oficina de Jazz (1979-2003), no quarteto G-BAP ou no Dixie 8 Fun, ou ainda nos primeiros passos do Madeira Jazz Collective, bem como enquanto líder do seu quinteto, como corresponsável pelo Núcleo de Música da Francisco Franco, como coordenador e professor de piano do Curso de Jazz do CEPAM, ou ainda como divulgador do jazz na rádio, Jorge Borges foi sempre um afincado defensor da causa do jazz, cujo papel na saúde e no sucesso desta música na Madeira merece o maior reconhecimento por parte de todos os seus amantes e apreciadores.

A sua apresentação no Funchal Summer Jazz inclui vários originais do pianista, bem como um leque variado de composições de Thelonious Monk, referência e inspiração maior para Jorge Borges, e conta com o trompetista Alexandre Andrade, o saxofonista Francisco Andrade, o contrabaixista Ricardo Dias e o baterista Jorge Maggiore.

Menu